Tratamento eficaz para psoríase

tratamento para psoríase
Os tratamentos indicados para a psoríase, podem ser feitos a partir da utilização de cremes, ou ainda pomadas anti inflamatórias, estas pomadas que diminuem de forma significativa a coceira e poderão manter a pele devidamente hidratada.

A exposição da área afetada ao sol pela manhã, ou ao final da tarde, sem um protetor solar poderá ajudar bastante na hora de controlar lesões. Em contrapartida, em situações mais graves, é possível se recorrer a fototerapia, o que consiste em exposições e raios UVA e UVB em clínicas de dermatologia, pelo menos uma vez por semana, pelo tempo que for determinado por médicos. Saiba mais sobre o tratamento para psoríase e algumas dicas abaixo.

Comece alterando a sua alimentação

A alteração de sua alimentação é bastante importante para ajudar no total controle da psoríase. Nesta situação, é indicado que se coma mais alimentos biológicos, que tenham pouco tempero e gordura, para que se possa desintoxicar o organismo. É importante citar que quanto menos alimentos processados ou industrializados se consumir, melhor será.

Os cremes para a psoríase

Em um primeiro momento, é interessante que se aplique algum tipo de creme á base de ácido acetilsalicílico que tenha em torno de 5 a 10% de quantidade na crosta, desta forma pode-se facilitar muito a sua remoção.

Posteriormente, para o caso da psoríase leve, se utiliza o calcipotriol, o que é totalmente relacionado com a vitamina D. Já para psoríase leve a moderada, é interessante se utilizar de uma pomada de corticosteroides e ainda se proteger a lesão com gazes.

Para o caso de psoríase mais espessa, e mais resistente, é interessante se utilizar a Antralina e o Alcatrão.

Os comprimidos para o problema

Para o caso de psoríase moderada a grave, é interessante que se utilizem retinoides orais, entre eles podemos citar a Acitretina.

Já para a psoríase extensa, com os indivíduos devidamente internados, é possível se utilizar de metotrexato, mas este é contraindicado para os indivíduos que tenham problemas de sangue ou de fígado, podendo se utilizar a Ciclosporina, em situações mais graves.

 

No comments yet.

Deixe uma resposta

*