Por que fazer aterramento com cabos de cobre

Podemos definir aterramento como um sistema utilizado para evitar possíveis desequilíbrios na rede elétrica (casas, escritórios, indústrias, etc.), eliminar fugas de energia e prevenir contra choque elétrico.

O cobre é um metal que é conhecido por ser muito dúctil e possuir propriedades maleáveis. Quando se pensa em termos de força, ele se mostra mais resistente em comparação com outros metais, por isso é interessante contar com os cabos de cobre quando o assunto é fazer aterramento. Inclusive, o cobre pode sofrer uma grande dose de estresse antes de qualquer tipo de ruptura, o que o torna ainda mais significativo.

É válido ter gravado em mente que o cabo de cobre é a única escolha adequada como um fio terra. Outros metais conduzem eletricidade, mas não na medida em que o cobre faz. Quando uma onda de eletricidade ocorre, o fio de cobre vai direcioná-lo para longe de você. Talvez você até sofra um choque, mas não o suficiente para prejudicá-lo seriamente. Fios terra confeccionados a partir de outros metais não podem redirecionar corrente rápido o suficiente.

Alguns indivíduos podem preferir contratar um eletricista para lidar com instalação de aterramento. Os eletricistas têm as ferramentas adequadas e experiência para se certificar de que tudo está conectado de forma literalmente segura e adequada. No entanto, há quem prefira buscar dicas de aterramento e construir o seu de forma independente. No entanto, existem várias técnicas diferentes, que podem ser utilizadas na instalação do mesmo, então tenha cautela no momento de executar o serviço.

Materiais usados no aterramento:

– Cabos de cobre;

– Caixa de inspeção;

– Caixa de inspeção suspensa;

– Conector cabo-haste;

– Conector para haste terra;

– Conector split bolt com furo;

– Conector split bolt com rabicho;

– Conector split bolt;

– Conectores de medição;

– Haste terra prolongável e simples;

– Luva de emenda para haste;

– Solda exotérmica;

– Tampa caixa inspeção;

– Terminal compressão 1 furo;

– Terminal de pressão, e outros.

 

O aterramento garante proteção para partes metálicas não energizadas, dá segurança aos seres humanos e protege equipamentos. Ele ainda é utilizado para evitar desequilíbrios na tensão elétrica de uma instalação, eliminar fugas de energia que podem provocar o desbalanceamento das fases na rede externa (fornecimento), além das outras qualidades citadas acima. Por fim, tenha cautela e não realize o serviço caso não se sinta seguro o suficiente para executá-lo.

No comments yet.

Deixe uma resposta

*