Dicas para escolher o melhor tipo de vinho

tipos de vinhoO vinho é a escolha certa para qualquer momento: para relaxar no seu sofá, um jantar romântico, ir à pizzaria ou a um restaurante com os amigos, encontrar com a família ou comemorar uma conquista! Mas o mais difícil é saber: qual é a melhor escolha de vinho para cada um desses momentos?
O estudo de vinhos, desde sua harmonização até os mais variados tipos que existem, é algo universal. Diversos enófilos se especializam cada dia mais e usam seus olfatos e paladares aguçados para praticar a arte de beber vinho e ajudar você a praticá-la também. Mas se você ainda não possui o mesmo nível de apuração que estes especialistas, na escolha do tipo de vinho perfeito para o momento você pode não se sair muito bem, e por isso vão aqui algumas dicas para acertar – pois o vinho certo fará o seu dia ou a sua noite!
– Pense primeiro na sua condição financeira e em quanto você estará disposto a gastar pelo vinho, pois há marcas e marcas que tem seus valores flutuando entre R$13 a R$7,5 mil.
– Peça ajuda de um sommelier, do garçom ou de amigos que conheçam mais sobre o assunto. Busque indicação de um bom produtor e comente qual o tipo de prato que vai saborear com a bebida.
– Nem todos os tipos de vinhos ficam melhores com o tempo, apenas uma parcela que consegue envelhecer bem. A maioria deve ser consumida em dois ou três anos. Escolher um tipo de vinho de safra recente não garante que é bom, mas se for um barato ele terá mais chances de estar bom.
– No Brasil, o tipo de vinho que costuma ter um bom custo-benefício costuma estar na faixa dos R$30.
– Varie nos tipos de vinho para conhecer cada vez mais os seus sabores e particularidades. A maioria da população brasileira prefere consumir o vinho tinto, mas o consumo de branco e rosé tem aumentado.
– Para grandes eventos, prefira os espumantes.
– Para jantares românticos ou com amigos e familiares é interessante descobrir o tipo de vinho que a maioria prefere, combinando sempre com a refeição principal para haver a harmonização.

No comments yet.

Deixe uma resposta

*