Mamotomia: Do que se trata o exame e para que serve?

O câncer de mama infelizmente acaba por atingir uma série de pessoas, fazendo com que desta forma, a preocupação com exames, assim como também procurar entender como estes podem ser realizados, pode ser algo que torture diversas mulheres.

Sendo que um dos exames que podem ser solicitados pelo médico para assim investigar se há ou não a possibilidade de se ter um câncer de mama, seria a mamotomia, sendo assim, vamos entender agora mesmo como este exame é realizado.

Como é realizada a mamotomia

Antes de mais nada, é interessante que se entenda que o exame se trata de uma biopsia que é realizada na mama, para que assim, no caso de um nódulo, seja possível a retirada do tecido, para que assim este possa ser analisado.

Antigamente, poderia ser realizada uma cirurgia, para que assim se conseguisse obter uma amostra do tecido, para que então pudesse ocorrer a investigação, no entanto, nos dias de hoje, pode ser feito através de uma mamotomia, este exame no qual consiste na infiltração de uma agulha na região da mama, e sim, pode ser um pouco incomodo, visto que não é oferecida anestesia geral, e então, esta agulha acaba por realizar a sucção do tecido, onde se consegue obter uma pequena amostra deste, para que então seja realizada a verificação dele.

Sendo assim, a mamotomia nada mais é do que um exame que tem como finalidade realizar o diagnóstico do que a mulher poderá ter em seus seios, para que então sim seja realizado um tratamento ou anteriormente a apresentação de um diagnóstico concreto, para que só então algum procedimento possa ser iniciado.

E por fim, claro, atualmente, são diversos os laboratórios, assim como também clínicas que acabam por realizar este tipo de exame, fazendo com que desta forma, seja possível que a mulher tenha um acesso facilitado, assim como também a capacidade de se realizar um diagnóstico o quanto antes, para que não ocorra um diagnóstico tardio e outras complicações acabem por surgir.

E no caso de dúvidas, claro, é interessante que você converse com o seu médico sobre a necessidade do exame, e como ele será realizado.

No comments yet.

Deixe uma resposta

*