Meu bebê já nasceu. Quando volto ao normal?

Uaaau! Depois de nove meses de espera, exames, consultas, mais espera, enjoos, visitas, mais espera ainda e o susto da chegada da “hora P” (hora do parto), finalmente seu bebezinho está em seus braços! Uma coisinha fofucha, de pele macia, com chorinho até gostoso de ouvir, chegadinho no peito, quentinho. Ai, que bom!

Aí você volta pra casa, já sem aquela inundação tresloucada de ocitocinas, endorfinas e outras “inas” que encharcam o corpo da gente no dia do parto e, aproveitando que o bebê dormiu, vai tomar o SEU merecido banho, na SUA casa, com o SEU sabonete e as SUAS toalhas… enfim… está de volta! Mas aí você se encontra consigo mesma no espelho e toma um choque pior que choque elétrico: “O QUE ACONTECEU COMIGO??”. A barriga ainda está um pouco inchada, super flácida e você chega a ter a certeza de que vai ter que usar roupas de grávida pra sempre. Que desespero!

Mas opa! Calma aí, mocinha!

grávidaOlha só: em nove meses, uma criança “brotou” aí no seu ventre, cresceu e seu corpo teve que se adaptar – e rápido porque, pra tanta mudança ao mesmo tempo, nove meses é pouco! Mas enfim: a barriga teve que aumentar pro bebê caber direitinho, então seu útero precisou ficar muitas vezes maior. Antes ele não pesava nem 100g, mas no dia do parto ele tinha mais ou menos UM QUILO. Sem contar na camada extra de gordura que seu corpo criou pra proteger melhor criança. Seus músculos também precisaram se adaptar, estender, crescer, fortalecer… ou seja, aumentaram em volume e, por tabela, em peso. Isso tudo em NOVE MESES. E tá achando que ia sair do hospital totalmente enxuta, igual personagem de novela? Sabe de naaada, inocente! :p

Se espelhe na Kate Middleton. Lembra da barriguinha saliente dela quando ela e o príncipe William saíram do hospital depois do nascimento do filho? Então: é aquilo ali mesmo! A musculatura leva tempo pra voltar ao normal, e a gordura que o corpo acumulou também não some assim, de um dia pro outro. Se você colaborar com o processo, esses “detalhes” normalizam mais rápido. E pode confiar, que dá certo! Tanto é que a Kate não tem usado mais roupas de grávida, é ou não é? 😉 Vamos lá.

Amamente bastante

Se tem uma coisa que faz o útero voltar ao normal rapidinho é amamentar. Isso porque quando o bebê está sugando o seio, o corpo da mãe produz um hormônio chamado ocitocina; ele, além de ter ligação com a produção de leite, também provoca as contrações do útero (inclusive durante o trabalho de parto). Quanto mais ele se contrai, mais rápido ele volta ao tamanho de antes da gestação. Depois que ele se acomodar, a barriguinha que restar será composta quase que só de gordura.

Mas ainda tem a musculatura da barriga que se distendeu pra comportar o útero aumentado. Essa não volta ao normal por causa da amamentação, mas sim se você mantiver uma atividade física específica para essa região. Assim você firma a barriga novamente e, de quebra, queima alguma gordura. Aliás, boa hora pra procurar um fisioterapeuta ou educador físico. Não faça exercícios por sua conta nesse período, ok? Foi um momento “daqueles” pro seu corpo e o retorno às atividades precisa ser orientada para que não hajam danos.

E a gordura? Como tiro isso daqui?

grávidaÉ, a gordura vai ser sempre nossa maior tragédia… Para mandá-la pro espaço, minha cara, só mesmo seguindo a velha cartilha: alimentação correta – e específica nessa fase da amamentação, o que significa que nem toda dieta é bem-vinda – e exercícios. Ah, e a dica de ouro: AMAMENTE MUITO! Seu corpo vai queimar muita, mas MUITA caloria pra produzir leite, o que torna esse gesto carinhoso um tremendo aliado na queima calórica.

Já que falamos em dieta, por favor, não deixe de procurar uma nutricionista. Agora não é o momento de seguir dieta de revista pra voltar ao corpo de adolescente. Lembre-se do seu bebê e que ele tem necessidades que não podem ser ignoradas, INCLUSIVE o leite que você oferece a ele nas mamadas. Há como conciliar as necessidades dele e os seus desejos, mas não dispense ajuda de especialistas pra chegar nesse consenso.

“Mas quanto tempo vai levar, afinal?”. Olha, há quem diga que foram nove meses para ganhar e que serão outros nove meses pra perder. Mas isso depende muito, varia muito. Algumas mulheres já tinham um preparo físico melhor antes da gestação e acabam conseguindo voltar mais rapidamente ao normal depois do parto; outras demoram mais tempo, seja por serem sedentárias antes da gestação, seja por terem um metabolismo naturalmente mais lento. Não existe regra definida. Mas dê-se alguns meses, sim, e verá que com esses cuidados, logo logo a velha calça jeans volta a fechar.

No comments yet.

Deixe uma resposta

*